Sociedade Brasileira de Cardiologia realiza congresso gratuito sobre hipertensão arterial - CONASEMS
voltar

Notícias | 04/10/2021

Sociedade Brasileira de Cardiologia realiza congresso gratuito sobre hipertensão arterial

 

O Departamento de Hipertensão Arterial (DHA) da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) realizará, de 27 a 30 de outubro, o XVII Congresso DHA-SBC, que esse ano será totalmente online, gratuito e terá caráter internacional, acontecendo em conjunto ao XVIII Congresso da Sociedade Latino-Americana de Hipertensão Arterial (LASH); ao VII Congresso da Sociedade Centro-Americana de Hipertensão e Prevenção Cardiovascular (SCCH), e ao IV Encontro Artery LATAM (sociedade dedicada ao estudo do envelhecimento cardiovascular).

Com foco no assunto mais abrangente da cardiologia, a edição de 2021 do Congresso DHA-SBC terá o objetivo de enriquecer o conhecimento voltado para o ser humano, o coração e a hipertensão.

Mais do que conhecimento, o DHA reuniu dois anos de ideias (a última edição do evento foi em 2019) e voltará a apresentar o orgulho que possui de ocupar este palco, agora virtual, que move os cardiologistas clínicos para a busca da pressão ideal.

O evento terá tradução simultânea para o inglês e espanhol, e a participação dos principais nomes que se dedicam à pesquisa e estudo da doença hipertensiva. Serão mais de 125 especialistas do Brasil, de países latino-americanos, dos Estados Unidos e Europa que trarão suas experiências para o novo universo da transmissão do saber científico.

“Teremos a oportunidade de receber em nosso país, virtualmente, o maior evento em hipertensão arterial das Américas, trazendo uma somatória de esforços de diversas sociedades científicas. A inscrição é uma cortesia dessas sociedades a todos os médicos cardiologistas da América Latina, para podermos, nesse momento, discutir sobre essa doença, a principal causa de mortes em todo o mundo”, fala Weimar Sebba Barroso, presidente do Congresso DHA-SBC 2021.

Programação

Um dos destaques da programação será a da Diretriz Brasileira de Hipertensão Arterial. Em novembro de 2020 foi editada a última versão e o resultado desse esforço conjunto e da colaboração de mais de 90 experts foi um documento robusto, rico em atualizações e capaz de promover avanços no contexto do diagnóstico, avaliação clínica, estratificação, tratamento e controle da doença hipertensiva nos seus diversos cenários. Acesse a publicação aqui.

Segundo a versão atualizada, os índices de controle da hipertensão arterial ainda são insatisfatórios no Brasil. Os motivos para a falta de controle dos hipertensos são diversos, mas um dos fatores de maior peso neste cenário é a falta de adesão ao tratamento.

A adesão ao tratamento é um processo complexo e multidimensional onde se identificam barreiras relacionadas com as condições sociodemográficas, o tratamento medicamentoso, os sistemas de saúde, o paciente, e a doença propriamente dita.

Os problemas de adesão nem sempre são fáceis de se detectar, e quantificá-los é ainda mais difícil. Medir a adesão ao tratamento é uma tarefa complexa. Não há um método considerado padrão-ouro que represente as várias dimensões que envolvem o processo.

O congresso discutirá também, entre outros:

A jornada do envelhecimento vascular;

  • É possível evitar o desenvolvimento da doença hipertensiva? Como?

  • Importância do Mapa na proteção cardiovascular;

  • Imunidade, inflamação e doença cardiovascular;

  • Estratégias para otimizar o diagnóstico, a adesão e o controle da pressão arterial;

  • Manejo da hipertensão arterial orientada pela medida residencial da pressão arterial, e

  • Adiposidade, força muscular e doença cardiometabólica: da programação fetal à sarcopenia em idosos.

Confira o temário completo aqui.

Mais informações, programação completa e inscrições gratuitas no site do evento. Acesse: https://dha2021.com.br/
Compartilhar