Países de língua portuguesa e francesa discutem sistema de saúde em Campo Grande - CONASEMS
voltar

Gestão | 30/11/2010

Países de língua portuguesa e francesa discutem sistema de saúde em Campo Grande

bia
biaCampo Grande (MS)- A troca de experiências entre profissionais dos países de língua francesa e portuguesa nos três dias da Conferência Luso-francófona (Colufras), que acontece em Campo Grande, vai possibilitar a avaliação de sistemas e serviços de saúde. “Sempre que avaliamos nossos resultados e atendimentos, melhoramos nosso serviço”, resumiu a secretária de Saúde do Estado Beatriz Dobashi durante a abertura do evento hoje (29) de manhã no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, com a presença do governador André Puccinelli. A conferência, que acontece também amanhã (30) e na quarta-feira (1), vai reunir cerca de 400 profissionais de Portugal, França, Suíça, África, Canadá e Brasil.

o secretário geral da Colufras Normand AsseliPara o secretário geral da Colufras Normand Asselin o encontro é o intercâmbio de todos os países que se interessam em enriquecer os conhecimentos com experiências internacionais. “Os sistemas de saúde são uma expressão de cada país. Todos nós temos a aprender um com o outro”, enfatizou Asselin. O ex-embaixador do Canadá no Brasil disse que seu país aprendeu muito com as experiências brasileiras e citou os programas Saúde da Família e Agentes de Saúde como exemplos.

Beatriz Dobashi destacou que a troca de conhecimentos vai possibilitar a identificação de valores que cada serviço representa para os países, além de avaliar a estrutura predial, equipamentos, condições de acesso e organização das redes de atenção à saúde pública nas diferentes nações.

De acordo com o representante do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems), Gilson Carvalho, o desempenho é medido através de resultados. “Temos a missão de ajudar as pessoas a viverem mais e melhor. Este é o desempenho que na maioria das vezes não medimos”, avaliou.

A Colufras tem como objetivo aprimorar a qualidade da assistência médica e o acesso aos serviços de saúde a todos os cidadãos dos países que falam a língua francesa (francófono) e portuguesa (lusófono), principalmente da província de Quebec, no Canadá, e no Brasil. As duas línguas oficiais da conferência são francês e português. Esta é a terceira edição do evento, que aconteceu em 2005 em Montreal e em 2007 em Salvador.

O evento tem como colaboradores instituições privadas e públicas do Brasil e do Canadá. Entre os primeiros participantes destacam-se a Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas (CMB), as organizações não governamentais Pró-Saúde e Abraspe, além das secretarias de Saúde de Goiás e Distrito Federal.

No Canadá os primeiros fomentadores do intercâmbio foram a Agência Canadense para o Desenvolvimento Internacional (ACDI), o governo de Quebec, o Instituto de Readaptação de Montreal, a Agência Regional de Saúde de Outaouais, a Corporação de Abastecimento Hospitalar de Montreal e várias empresas do setor farmacêutico e do setor de acessórios médicos e serviços.

Participaram também da abertura do evento os representantes da Organização Mundial de Saúde (OMS) Regina Ugerer e do Ministério da Saúde Cláudio Brasil, o presidente da Associação Médica Brasileira e Mundial José Luiz Gomes do Amaral e a representante do governo da província de Quebec, no Canadá, Lise Gravel, além de secretários de saúde de outros estados e municípios.

As palestras serão abordadas por conferencistas das universidades de Montreal (Canadá), Genebra (Suíça), Lisboa (Portugal) e Universidade de São Paulo (USP) e da França. As palestras terão tradução simultânea. Participam Fiocruz, representantes de universidades, instituições filantrópicas e organizações internacionais.

O tema desta tarde é “Porque é preciso avaliar o desempemnho do sistema de saúde e dos serviços que o integram?”, que será abordado pelo conferencista brasileiro Jorge Solla e o canadense Jérémy Veillard.

Fonte: Site do Conass

Assessoria de Comunicação do Conass

 

Compartilhar