Medidor SIMET-Saúde para diagnóstico da conectividade em estabelecimentos de saúde já está disponível para instalação - CONASEMS

Orientações técnicas

Medidor SIMET-Saúde para diagnóstico da conectividade em estabelecimentos de saúde já está disponível para instalação


 

O Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) desenvolveu, a partir de um acordo de cooperação com o Conasems, o Medidor SIMET-Saúde para medir a qualidade da internet nos estabelecimentos de saúde brasileiros utilizando a tecnologia do Sistema de Medições do Tráfego de Internet (SIMET).

O Medidor permite aos estabelecimentos medir a qualidade da sua conexão e os dados gerados servem de insumo para políticas públicas, ações e projetos de conectividade no âmbito da saúde e foi lançada em evento on-line.

A iniciativa estimula a instalação gratuita de medidores SIMET em todos os estabelecimentos de saúde do país. O Conasems orienta para priorizar naqueles que trabalham com atenção primária, caso das Unidades Básicas de Saúde.

Clique aqui para instalar o medidor


Como instalar?


Para realizar a instalação do Medidor, será necessário ter em mãos o código CNES. Cada estabelecimento deverá escolher um computador para a instalação do medidor. Deve ser dada preferência ao computador que fica mais tempo conectado à Internet e que recebe o sinal via cabo, ou àquele em que é feito o envio de dados do prontuário eletrônico ou do maior número de envio de dados à base nacional do Ministério da Saúde.

Clique aqui e acesse o Passo a passo para instalar o medidor no Windows

Clique aqui e acesse o Passo a passo para instalar o medidor no Linux



Como acompanhar?

Ao digitar o código CNES no painel da plataforma Conectividade na Saúde, o gestor, após feito a instalação do Medidor SIMET-Saúde, terá acesso ao desempenho da conexão de internet de suas unidades de saúde. Entre os dados disponíveis estão métricas como latência (medida de tempo para uma mensagem ir a um destino e voltar), velocidade de downloadupload e perda de pacotes.

Neste mesmo painel, é possível observar, ainda, o histórico da qualidade da rede num período de até 60 dias, além de compará-la com a mediana de conexão à Internet do entorno (mesmo setor censitário), o que permite avaliar a possibilidade de contar com um serviço melhor. A plataforma fornece ainda uma lista de provedores que atuam na localidade.

Já na seção “Dados de instalações no Brasil”, gestores poderão acompanhar a instalação do medidor  e gerenciar o andamento do processo de instalação em sua cidade ou estado. A plataforma possibilita, também, consultar a proporção de estabelecimentos que não têm acesso à Internet, permitindo buscas conforme a localidade desejada.

Mais detalhes sobre o “Conectividade na Saúde” estão disponíveis em https://conectividadenasaude.nic.br/

 

Compartilhar