Idosos recebem atenção especial na AME de Natal - CONASEMS
voltar

Gestão | 11/01/2011

Idosos recebem atenção especial na AME de Natal

ameidosos2
ameidosos2Ficar parado não passa pela cabeça do aposentado Sebastião Neto, de 66 anos. Raimundo Ribeiro, no auge de seus 85 anos, também quer mais é aproveitar a vida em atividade. Eles e outros 60 idosos animaram o grupo da melhor idade que se reuniu no último sábado, dia 08, no Ambulatório Médico Especializado do bairro de Nova Natal, Zona Norte da capital potiguar.

Referência em saúde do idoso, a AME proporcionou uma manhã repleta de informação, saúde e exercícios. Estica daqui, puxa dali, levanta, senta, abaixa. Engana-se quem acha que a turma não conseguiu acompanhar a aula de alongamento do treinador físico e da equipe de fisioterapia da unidade. “Eu costumo caminhar todos os dias. A gente estica um pouco os braços, as pernas. Isso é moleza. Aprendi novos exercícios que vão me ajudar a não ficar dolorido depois da atividade física”, animou-se Sebastião Neto.

Além das dicas e dos exercícios, os idosos puderam tirar as dúvidas sobre hipertensão, diabetes, colesterol, tabagismo e outros temas nas palestras com o geriatra Jesus Rolly e a clínica geral Andrea Maia. “Os idosos estão vivendo melhor, mas é preciso tomar cuidado com as quedas e o sedentarismo, que são responsáveis por agravar algumas doenças, comuns nessa fase da vida. A ordem agora é mudança de hábitos. Cuidar da alimentação, fazer exercícios, ter acompanhamento médico e companhia é a melhor receita para melhorar a qualidade de vida”, explica o geriatra.

Desde que a AME foi implantada, a terceira idade tem à disposição uma equipe qualificada de especialistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e outros. “É a missão dessa unidade: cuidar de nossos idosos. Iremos desenvolver um trabalho contínuo com a terceira idade, com reuniões periódicas, acompanhamento médico e atividades para despertar o cuidado com o corpo e com a mente”, reforça a gerente de enfermagem da AME Nova Natal, Clea Fernandes.

Regado a uma deliciosa mesa de frutas, o encontro só terminou perto do meio-dia. Mas se dependesse do senhor Raimundo Ribeiro, o simpático amigo do aposentado Sebastião, de “apenas” 85 anos, seguiria tarde adentro. “Isso faz um bem danado. Espero comparecer a todos os encontros. Os médicos e a equipe da AME estão de parabéns, vou sair daqui fazendo caminhada e comendo mais frutas”, confidenciou.


Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Natal (RN) 

Compartilhar