Diretores da Oscip de Ribeirão Preto apresentam novidades para a UBDS Central - CONASEMS
voltar

Gestão | 14/02/2011

Diretores da Oscip de Ribeirão Preto apresentam novidades para a UBDS Central

prefeitaoscip12tm
prefeitaoscip12tmA nova Oscip, Instituto Corpore para Desenvolvimento da Qualidade de Vida, assumiu o trabalho no Pronto Atendimento na UBDS Central; os diretores vieram a Ribeirão Preto para se apresentar à prefeita.

A prefeita de Ribeirão Preto, Dárcy Vera, recebeu em seu gabinete, na manhã desta sexta-feira, dia 11 de fevereiro, os diretores da Oscip (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) Instituto Corpore para Desenvolvimento da Qualidade de Vida, que já começou a operar no Pronto Atendimento da UBDS Central.

O diretor Administrativo da Oscip, André Luis Ulrich, acompanhado pelo diretor Financeiro, Rodrigo Reis Cirino, e pelo coordenador Administrativo, Luiz Fernando Dovigo, foram recebidos pela prefeita e pelo secretário de Saúde, Stênio Correia Miranda, e apresentaram algumas inovações no projeto de reorganização da UBDS Central.

A Corpore manterá os nove médicos no Pronto Atendimento e contratará mais um, a pedido da prefeita Dárcy Vera, que vai ajudar nos horários de pico, entre 11h e 15h. Além disso, vai instalar catracas para organizar o fluxo de pessoas dentro da unidade e somente uma pessoa poderá entrar como acompanhante do paciente. Um funcionário será designado para atender às pessoas que chegarem à unidade e orientá-las quanto ao atendimento que deverão receber.

Além dessas mudanças, a nova Oscip estará à disposição da gerência da UBDS para desenvolver e implantar novos protocolos nas áreas de atendimento, enfermagem, desinfecção, biossegurança e manutenção da unidade. Também deverá realizar atividades de capacitação dos profissionais com cursos e oficinas, melhoria na sinalização e fluxo internos da unidade e modernizações na área de informática.

De acordo com o contrato a nova Oscip vai manter o apoio no que se refere ao trabalho médico, com 780 horas semanais de atendimento em urgência e emergência para adultos.

O novo termo de parceria entre a Prefeitura e a organização tem validade de 12 meses e o valor do contrato é de R$5.794.466,76, o equivalente a R$ 482.872,23 por mês.

“A expectativa em relação ao trabalho da Corpore é muito positiva. O projeto de reorganização da unidade com alterações do fluxo, implantação de protocolos não somente no PA, como também na parte ambulatorial e até na odontologia dará um novo fôlego ao Central”, explicou o secretário Miranda.

“Temos informações muito positivas em relação ao trabalho da Corpore em Campinas e em várias outras cidades do estado de São Paulo e Paraná. Nossa experiência com a Inab, que deixa agora o Central foi extremamente favorável, conseguimos fazer com que o tempo de espera pelo atendimento, que era de até cinco horas, caísse para 40 minutos e registramos um índice histórico de satisfação em pesquisas internas. Agora a tendência é aperfeiçoar o atendimento”, colocou a prefeita Dárcy Vera.

A Oscip – Instituto Corpore para Desenvolvimento da Qualidade de Vida – é da cidade de Matinhos, no Paraná. Venceu a licitação com 107 pontos, com base nos critérios estabelecidos no edital. Essa mesma Oscip firmou, no ano passado, convênio igual junto à Secretaria de Saúde de Campinas.

A segunda colocada, Associação Civil Cidadania Brasil, obteve 83 pontos e a terceira colocada, a Inab, ficou com 78 pontos.


Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Ribeirão Preto 

Compartilhar