COVID-19: Desabastecimento de seringas e agulhas pelo MS não compromete vacinação em AL - CONASEMS
voltar

COSEMS - AL | 20/08/2021

COVID-19: Desabastecimento de seringas e agulhas pelo MS não compromete vacinação em AL

O desabastecimento de seringas e agulhas, por parte do Ministério da Saúde, para a administração da vacina Pfizer, foi a pauta de hoje da reunião do COE, com representantes do Cosems-AL, Sesau e MPF.

De acordo com o secretário executivo do Cosems-AL Sival Clemente, o Estado de Alagoas recebeu esta semana 105.300 doses da Pfizer e, no entanto, só foram empregues pelo MS menos da metade das seringas e agulhas.

A previsão é de que nas próximas remessas o MS substitua as agulhas de 1ml por de 3 ml. Preocupado com esta situação, o Cosems-AL solicitou apoio ao MPF e ao governo de Alagoas para que a campanha de Vacinação contra a Covid-19 não seja comprometida. O MPF ficou de intervir junto ao MS para que sejam garantidas as seringas e agulhas recomendadas tecnicamente pela bula da vacina Pfizer (1ml).

O secretário de Estado da Saúde de Alagoas (Sesau), Alexandre Ayres, reforçou o compromisso do executivo estadual em garantir o bom andamento da campanha de Vacinação no Estado. Para isto, assegurou que vai adquirir as seringas de 1ml e as agulhas e distribuir para os municípios alagoanos.

Segundo informações do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) os Estados da Bahia e do Pará enfrentam a mesma situação. O MS alega falta das seringas de 1ml no mercado nacional.

Compartilhar