Cosems/ES realiza a assembleia de abril - CONASEMS
voltar

COSEMS - ES | 13/04/2021

Cosems/ES realiza a assembleia de abril

O Colegiado de Secretarias Municipais de Saúde do Espirito Santo (Cosems/ES) realizou, nesta sexta-feira (09), a Assembleia do mês de abril. O evento, que foi realizado de forma virtual como medida de enfrentamento à Covid-19, reuniu os gestores e técnicos municipais, técnicos da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e a equipe de apoio do Cosems/ES.

A presidente do Cosems/ES e secretária municipal de Saúde de Vila Velha, Cátia Lisboa, abriu a reunião destacando que, apesar dos desafios em virtude da pandemia, é um momento que o Cosems/ES é uma fonte de informação e apoio a todos. “Sabemos que é a situação está difícil para todos, mas unidos somos mais fortes”, disse.

Vacinação

Em seguida, a coordenadora do Programa Estadual de Imunizações e Vigilância das Doenças Imunopreveníveis da Sesa, Danielle Grillo, falou sobre o início da vacinação contra Influenza. A primeira etapa da 23ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começa nesta segunda-feira (12). A coordenadora da Sesa destacou que a campanha acontece em paralelo à de vacinação contra Covid-19 e orientou sobre as doses e seringas de cada vacina.

“É importante ressaltar que nos últimos anos a meta de 90% não foi alcançada nos grupos de crianças e gestantes. Enfatizo a importância da primeira semana ser dedicada a esse público para os pais dessas crianças e as gestantes buscarem os serviços de vacinação para o alcance de elevadas e homogêneas coberturas desses grupos”, ressaltou Danielle.

Para esta primeira etapa, 471.548 capixabas pertencentes ao grupo prioritário de crianças de seis meses a cinco anos, gestantes e puérperas poderão ser imunizados. Para os trabalhadores da saúde, que também fazem parte desta etapa, a data de início para vacinação contra a Influenza será a partir do dia 19 de abril, devido ao quantitativo de doses encaminhadas pelo Ministério da Saúde nesta primeira remessa.

Gestão

As apoiadoras do Cosems/ES, Jovelina Aguiar e Rosania Loriato falaram sobre os Instrumentos de Gestão. “O município tem que se atentar aos instrumentos de gestão. Se algum tiver dificuldades, não fique omisso, nos procure que estamos à disposição para dar suporte”, frisou Jovelina. “Nos acione para criarmos estratégia. Embora o cenário esteja desafiador, as ações estruturantes do SUS não podem parar”, completou.

“É muito importante também que os municípios nos dêem feedback, se estão conseguindo lidar com os instrumentos, se não estão”, disse Rosania, que lembrou também que é preciso que os municípios incluam os recursos Covid-19 nas prestações de conta também.

A elaboração do Plano Municipal de Saúde também foi tema de pauta, tratada tanto pelas apoiadoras do Cosems/ES, quanto pelo gerente da Sesa, Francisco Silva.

O assessor técnico em Sistemas de Informação do Cosems, Stanley Mendes, falou aos gestores sobre Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (Sipni), em relação às mudanças previstas, à vacinação influenza e aos registros de vacinação. Stanley também falou do relatório de validação do Sistema de Informação em Saúde para a Atenção Básica (SISAB) e sobre a Pesquisa TIC – atualização dos telefone nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).

A assembleia ainda tratou dos grupos condutores da Sesa, dos kits de intubação e oxigênio, e foi apresentado, pela Sesa e pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos, o relatório referente à saúde das mulheres do campo.

Compartilhar