Brasil registra mais de 700 mil casos de dengue e alto risco para Chikungunya - CONASEMS
voltar

Gestão | 25/05/2020

Brasil registra mais de 700 mil casos de dengue e alto risco para Chikungunya

O último Boletim Epidemiológico divulgado pelo Ministério da Saúde contabilizou até 9 de maio deste ano 714.164 casos prováveis de dengue no país. A região Centro-Oeste continua liderando o número de casos, seguida logo depois pelo Sul. Até a 19ª Semana Epidemiológica, o Brasil contabilizava 298 óbitos por dengue. Os estados mais afetados são: Acre, São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás e Distrito Federal.

Já a Chikungunya é outra arbovirose que tem causado preocupação na gestão municipal. Segundo informações do Ministério da Saúde, já foram contabilizados 27.748 casos da doença no território nacional, com destaque para as regiões Nordeste e Sudeste. 

Considerando o cenário epidemiológico e a avaliação de risco para as arboviroses, principalmente para a transmissão de dengue e chikungunya, foi instalado o Centro de Operações e Emergência em Saúde Pública para as arboviroses (COE Arbo), no dia 04 de março de 2020, na Secretaria de Vigilância em Saúde. 

Diante disso, foram elaborados cenários de risco para a transmissão de dengue e chikungunya com o estabelecimento de critérios para a classificação dos estados em relação a incidência dos casos e ocorrência de óbitos. Atualmente, o Brasil não aponta uma situação epidemiológica de risco para zika vírus. 

Confira o Boletim na íntegra.  

Compartilhar