Notas

Situação da distribuição de imunobiológicos

23/04/2018

NOTA INFORMATIVA Nº 58/2018-CGPNI/DEVIT/SVS/MS
Informa acerca da situação da distribuição de imunobiológicos na rotina do mês de abril/2018.

I – DO CONTEÚDO:
A Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunizações (CGPNI) informa acerca da situação da
distribuição dos imunobiológicos na rotina do mês de abril/2018:

II – VACINAS:
Vacina com a situação regularizada:
Vacina pentavalente: Após a finalização de trâmites administrativos para liberação do produto pela área responsável na Anvisa-RJ, inserção no Sistema de Informação em Insumos Estratégicos – SIES pela Central de Armazenagem e Distribuição de Insumos Estratégicos – CENADI dos quantitativos correspondentes e análise do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde – INCQS, foi distribuída aos estados ainda no mês de março. Portanto, a partir da rotina do referido mês, a situação da vacina encontra-se regularizada. Vacina em esquema de substituição Vacina tetra viral: para os estados das regiões Norte, Centro- Oeste e Sul foi distribuída a vacina tetra viral. Para os estados das regiões nordeste e sudeste, foi enviado o esquema de substituição: tríplice viral + varicela. Vacinas com envio reduzido Vacina meningocócica C: distribuído quantitativo correspondente a 58% da cota mensal estadual. Estoque estratégico está sendo mantido para atendimento a demandas emergenciais. Diante da ocorrência de surto, havendo necessidade de envio complementar, favor contatar essa CGPNI.

III – SOROS
Produção pelos laboratórios e distribuição sendo realizada de forma parcial:
13/04/2018 SEI/MS – 3278698 – Nota Informativa: https://sei.saude.gov.br/sei/controlador.php?acao=documento_imprimir_web&acao_origem=arvore_visualizar&id_documento=3724319&infra_sistema=10000010
Soro antitetânico: desde o mês de fevereiro, após novas entregas o soro tem sido distribuído, entretanto, em quantitativo reduzido. Ressalta-se que a regularização da situação depende do cumprimento dos cronogramas de entregas pelos laboratórios produtores nacionais e da normalização da produção. Soros antivenenos: distribuídos conforme análise criteriosa realizada pela Unidade Técnica de Vigilância de Zoonoses deste Ministério da Saúde considerando a situação epidemiológica dos acidentes por animais peçonhentos, as ampolas utilizadas em cada UF, bem como os estoques nacional e estadual de imunobiológicos disponíveis e, também, o cronograma de entregas a serem realizadas pelos laboratórios produtores.

A produção tem sido realizada de forma parcial, devido à suspensão da produção da Funed para cumprir as normas definidas por meio das Boas Práticas de Fabricação (BPF) exigidas pela Anvisa. Diante disso, reforça-se a necessidade do cumprimento dos protocolos de prescrição, a ampla
divulgação do uso racional dos antivenenos e a alocação desses imunobiológicos de forma estratégica em áreas de maior risco de acidentes e óbitos. Para evitar desabastecimento, é importante manter a rede de assistência devidamente preparada para possíveis situações emergenciais de transferências de pacientes e/ou remanejamento desses imunobiológicos de forma oportuna.

IV – CONCLUSÃO
Conforme explicitado acima, alguns imunobiológicos têm situação crítica de abastecimento para a rotina do mês de abril/2018. Reforça-se que este Ministério da Saúde tem envidado todos os esforços possíveis para garantir a manutenção da distribuição de todos os imunobiológicos. As autorizações das solicitações estaduais de imunobiológicos referentes à rotina do mês de abril/2018 foram realizadas no SIES no dia 07 de abril de 2018. A chegada dos produtos aos estados dependerá da disponibilidade dos voos a serem agendados pela Central de Armazenagem e Distribuição de Insumos Estratégicos (Cenadi).

Carla Magda A. S. Domingues
Coordenadora Geral do Programa Nacional de Imunizações
Márcio Henrique de Oliveira Garcia
Diretor do Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis

Confira a nota na íntegra