Febre Amarela: 2422 casos suspeitos e 623 confirmados

20/04/2017

O Brasil vive o maior surto de febre amarela observado nas últimas décadas, envolvendo principalmente os estados de Minas Gerais e Espírito Santo, que apresentam os maiores números de casos confirmados. Equipes do Ministério da Saúde estão em articulação com as secretarias estaduais e municipais de saúde para a realização de uma força-tarefa, a fim de colaborar com as investigações dos casos.

Até 12 de abril de 2017, foram notificados ao Ministério da Saúde 2422 casos suspeitos de febre amarela silvestre. Destes, 623 (25,7%) foram confirmados, 671 (27,7%) casos permanecem em investigação e 1128 (46,6%) foram descartados. Do total de casos notificados, 326 evoluíram para óbito, sendo que 209 (64,1%) foram confirmados, 64 (19,6%) permanecem em investigação e 53 (16,3%) foram descartados. A taxa de letalidade entre os casos confirmados foi de 33,5%.

Confira aqui o Boletim completo