COSEMS-PB

Presidente do COSEMS/PB dá entrevistada sobre Mais Médicos nesta quinta (29) em afiliada da Globo

30/11/2018

A presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde (COSEMS/PB), Soraya Galdino deu entrevista na manhã desta quinte-feira, na Rede Paraíba de Comunicação, sobre a migração dos médicos da atenção básica para o programa Mais Médicos, em várias cidades do interior paraibano.

Além da entrevista ao vivo por volta das 6h40, para todo o Estado através do Bom Dia Paraíba, ela concedeu entrevista gravada a outros telejornais da casa e também à rádio CBN, falando sobre o fenômeno que passou a ocorrer depois do lançamento do edital do programa.

Na entrevista aos jornalistas Marcos Vasconcelos e Silas Batista, a presidente do conselho destacou a situação. “Na Paraíba, 60% de 128 médicos que se apresentaram para ocupar vagas deixadas por cubanos estão saindo de seus postos nas equipes de Saúde da Família. O Programa Mais Médicos contou com 138 profissionais cubanos em 79 municípios”.

Como secretária municipal de Saúde de Itabaiana (PB), a presidente disse que três dos 10 médicos de Saúde da Família que estavam no município migraram para o Mais Médicos. “Não temos como competir, porque no Mais Médicos eles recebem R$ 11,8 mil, têm férias e parte da carga horária dedicada aos estudos. Descobriram um santo para cobrir outro, como diz o ditado aqui na Paraíba. Minhas equipes vão ficar desfalcadas”, disse.