voltar

COSEMS - SC | 31/08/2018

Municípios catarinenses ultrapassam os 91% de cobertura na Campanha Nacional de Vacinação contra Poliomielite e Sarampo

O COSEMS SC parabeniza todos os municípios de Santa Catarina pelo execução da Campanha Nacional de Vacinação contra Poliomielite e Sarampo de 2018. Dados oficiais extraídos do Portal oficial do Ministério da saúde neste dia 29 de agosto (ás 18:42), mostram cobertura superior a 91% em nosso Estado, tanto para a imunização da Poliomielite, quanto do Sarampo.

Mesmo com o subfinanciamento existente para que os municípios executem as ações no âmbito da atenção básica, aliado aos atrasos nos repasses financeiros que as gestões municipais possuem direito, mais uma vez os municípios de Santa Catarina mostram o porquê do Estado contar com indicadores de saúde acima da média nacional.

Mesmo com os dados apurados até o momento, o COSEMS reitera a orientação para que os municípios que não alcançaram a cobertura de 95% realizem ações para o alcance da meta pactuada.

Conforme orientação do Ministério da Saúde e Secretária de Estado da Saúde, para as gestões municipais que identificarem a necessidade da realização de um segundo dia “D” de mobilização e divulgação social a proposta é que o referido evento ocorra no dia 01 de setembro de 2018, em especial aqueles  municípios que não alcancem a meta mínima de 95% de cobertura vacinal até o dia 31/08/2018. É primordial que os municípios nestas situações realizem esforços a fim de aproveitarem esta nova oportunidade, no sentido de alcançarem as metas estabelecidas e proteger a
população alvo da campanha.

Da mesma forma o COSEMS reitera a necessidade de registro dos dados da Campanha de Vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite diariamente no site http://sipni.datasus.gov.br, considerando que o monitoramento oportuno é de vital importância para o acompanhamento do atingimento da meta estabelecida e com o intuito de evitar dados deturpados para a sociedade em geral.

Por fim, o COSEMS reitera a confiança nos profissionais de Saúde atuantes na atenção básica, em especial os que atuam nas salas de vacina, assim como nos Gestores municipais de saúde pelos esforços realizados até o momento e que devem continuar até o final desta campanha.

Via COSEMS/SC