COSEMS-PB

COSEMS-PB é apontado como principal fonte de informações para os gestores da Paraíba

28/09/2018

As CIRs – Comissões Intergestores Regionais são fóruns privilegiados para a negociação, pactuação, planejamento e avaliação da Gestão das Políticas de Saúde no Estado, com cogestão solidária entre os gestores municipais da Paraíba.

Com objetivo de fortalecer esses espaços, o Cosems realizou no dia 20 de setembro, a reunião dos Presidentes de CIR, estando presentes as seguintes regiões de saúde: 3ª CIR Borborema, 4ª CIR do Curimataú e Seridó Paraibano, 5ª CIR Cariri Ocidental, 7ª CIR Vale do Piancó, 8ª CIR Alto Sertão, 11ª CIR Princesa Isabel, 12ª CIR Vale do Paraíba, 16ª CIR Renascer do Brejo, como também, representantes da Diretoria do COSEMS.

Na ocasião, foi realizada a apresentação dos resultados da Pesquisa sobre as CIR da Paraíba, pelo Professor Assis Mafort – Pesquisador da Fundação Osvaldo Cruz – FIOCRUZ RJ e André Bonifácio – Docente do Departamento de Promoção da Saúde da UFPB e a Apresentação do Projeto para o Fortalecimento das CIRs no estado – (FortaleCIR). Esta realização do COSEMS pode proporcionar à Paraíba o privilégio de assistir em primeira mão, ao resultado da 2ª fase desta pesquisa.

Para nossa satisfação a apresentação de professor Assis constatou o que já sabíamos: No item: Quais as principais fontes empregadas pela CIR para identificar programas e políticas federais e estaduais relevantes para os municípios das regiões? As Informações divulgadas pelas apoiadoras do Cosems representam 92,86% das respostas e Informes do Cosems – 85,71%. Ficamos à frente das consultas ao site do Ministério da Saúde representam 71,34%, às informações divulgadas pelos apoiadores da SES – 50%, consultas o site da SES – 21,43% e ao Diário Oficial da União – 7,14%. O reconhecimento dos gestores pelo trabalho desenvolvido pelo COSEMS-PB nas regiões de saúde, observando a inserção das apoiadoras no processo de regionalização, empoderando o gestor local por meio da agilização e diversificação das informações, além de colaborar na compreensão mais ampliada dos processos da regionalização.

Para a presidente Soraya Galdino esta pesquisa coroou o trabalho de 5 anos para fazer do COSEMS-PB uma entidade conhecida e reconhecida pelos gestores municipais de saúde por trabalhar em função da informação e qualificação dos gestores em tempo adequado.